Cepas, seus sabores, seus aromas

O vinho é uma combinação de cepa, terroir, e da assinatura pessoal do produtor. Mas é possível ter uma ideia do que nos espera, a partir da variedade de uva do vinho. Por exemplo, um pinot noir, muitas vezes, tem sabores de frutas vermelhas, enquanto um cabernet sauvignon, muitas vezes, tem gosto de frutas mais escuras, como amoras ou groselhas.

Varietais Tintas

Sabor e Aroma

Aglianico

Alcatrão e cereja caramelizada

Baco Noir

Frutas vermelhas, couro e especiarias

Barbera

Ameixa e cereja vermelhas

Cabernet Franc

Framboesas maduras, lascas de lápis recém-apontado e ervas; também chamada de Breton

Cabernet Sauvignon

Amoras pretas, cedro e frequentemente um toque de menta ou eucalipto

Canaiolo Cannonau

Morango e couro

Carignan

Ervas, amoras e especiarias Ameixas pretas e pimenta-do-reino

Carmenère

Cereja e ameixa preta

Cinsault

Mirtilo, amoras pretas, carne vermelha

Corvina

Cereja e amêndoas

Dolcetto

Ameixa, frutas vermelhas, amêndoas amargas

Dornfelder

Pimentão vermelho e frutas vermelhas

Gamay

Framboesas maduras, morangos e frequentemente banana

Gamay Beaujolais

Framboesas; essa uva é um clone da Pinot Noir

Garnacha

Frutas vermelhas muito maduras, carne vermelha e pimenta-do-reino preta; também chamada de Grenache

Grolleau

Frutas vermelhas; também conhecida como Groslot

Lambrusco

Morango e cereja

Malbec

Amora, ameixa preta, frutas secas; também conhecida por Cot ou Auxerrois

Merlot

Chocolate escuro e cereja

Monastrell

Amoras pretas e caça

Montepulciano

Amoras pretas e cereja

Mourvedre

Amoras pretas, caça e couro

Napa Gamay

Frutas vermelhas e violeta; também conhecida por Valdiguié

Nebbiolo

Rosas e alcatrão

Petit Syrah

Groselha; não é relacionada à Syrah

Petit Verdot

Pimenta-do-reino preta, especiarias e cassis

Pinot Noir

Framboesas maduras e morangos precoces em conserva; com o envelhecimento, sofrem uma mudança dramática, adquirindo os sabores de suco de carne caramelizado, curral de fazenda e trufas

Pinotage

Alcaçuz e frutas vermelhas

Portugieser

Frutas vermelhas

Sangiovese Shiraz

Cereja

Shiraz

Amoras pretas, pimenta-do-reino preta, chocolate escuro e enfumaçado; também conhecida como Syrah

Tannat

Framboesa e couro

Tempranillo

Morango e chocolate escuro

Teroldego

Frutas vermelhas e alcatrão

Tinta Barroca

Cereja e cogumelos brancos

Tinta Roriz

Frutas vermelhas e florais

Touriga Nacional

Frutas vermelhas maduras e rosas vermelhas

Trollinger

Frutas vermelhas e florais

Zinfandel

Amoras, mirtilo, pimenta-do-reino

 

Varietais Brancas

Sabor e Aroma

Albariño

Maçã Granny Smith (cor verde) e ervas

Aligoté

Toques de pêssego e frutas secas (nozes, amêndoas)

Auxerrois Neutra

Maçã. Não confundir com a Auxerrois Gris, da Alsace, ou a tinta Auxerrois, de Cahors, na França

Bacchus

Floral e maçã Golden (vermelha)

Chardonnay Chasselas

Frutas cítricas e maçã

Chasselas

Neutra com toques de maçã verde e pêssego

Chenin Blanc

Florais, mel e grama molhada

Clairette

Pêssego e melão

Colombard

Limão e pêssego

Cortese

Mineral e limão Taiti

Fiano

Avelãs e florais

Furmint

Maçã e mel

Gewürztraminer

Lichia e rosas

Greco

Limão Taiti e ervas

Grüner Veltliner

Limão Taiti

Kerner

Limão Taiti, minerais e ervas

Macabeo

Florais e frutas secas (nozes, amêndoas); conhecida também como Viura

Malvasia

Frutas cítricas, almíscar e amêndoas

Marsanne

Abacaxi, marzipã e caramelo

Mauzac

Casca de maçã

Müller-Thurgau

Florais e ervas

Muscadelle

Uvas maduras e florais

Muscadet

Neutra com toque de limão

Muscat

Uva madura e laranja; conhecida como Moscato, na Itália, e Moscatel, na Espanha

Nuragus

Limão

Parellada

Maçã verde e grapefruit

Pinot Blanc

Maçã, pêssego branco maduro; também conhecida como Clevner ou Klevner

Pinot Grigio

Aromas neutros com um toque leve de limão, florais; também conhecida como Pinot Gris na França, onde, devido à colheita tardia, desenvolve aroma e sabor acentuado

Pinot Gris

Pêssego picante; conhecida como Auxerrois Gris e Tokay na Alsace; Rulander na Alemanha; Pinot Grigio na Itália. Quando cultivada na Itália, é colhida precocemente antes de desenvolver um sabor acentuado

Riesling

Limão Taiti, rochas e florais; uma vez maduros, os Rieslings lembram o cheiro da gasolina

Rolle

Frutas secas (nozes, amêndoas), cítrica

Roussanne

Damasco

Rülander

Pêssego picante

Sauvignon Blanc

Limão Taiti, aspargos e gooseberries (fruta vermelha, selvagem, lembra a mistura de abacaxi e morangos); também conhecida como Fumé Blanc

Scheurebe

Grapefruit e pêssego

Sémillon

Creme de limão

Sevyal Blanc

Grapefruit

Silvaner

Neutra, com toque de maçã verde

Torrontés

Pêssego e florais

Trebbiano

Ácida e muito neutra, com toques leves de limão; conhecida como Ugni Blanc

Verdejo

Limão azedo, ervas e frutas secas (nozes, amêndoas)

Verdicchio

Florais e toques de amêndoas

Verduzzo

Cítrica, abacaxi e mel

Vidal

Damascos e mel

Viognier

Pêssego e pera

Xarel-Io

Florais e damascos

  




Quem somos

 

O Tintos&Tantos nasceu em 2013, e em seu pouco tempo de vida, já se tornou uma referência no mercado editorial de vinho, nacional e internacionalmente.

 

Para contar quem somos, primeiro vamos dizer quem nós não somos. Não somos um blog de vinhos. Não somos críticos de vinhos.

 

O Tintos&Tantos é um portal de Internet, que dá acesso a um conteúdo editorial, de produção própria, inteiramente dedicado ao mundo do vinho. 

 

Nossa contribuição é prover informação imparcial, relevante e gratuita.  Sempre em linguagem acessível e agradável de ler.

 

O intuito do Tintos&Tantos é o de fomentar o estudo, o interesse, a crítica, e até mesmo a polêmica a respeito do vinho.

 

Nosso foco não é competir com outros geradores de conteúdo, pelo contrário: ao sermos mais um agente no desenvolvimento desse mercado, e na consolidação dessa cultura, todos nós, apaixonados por vinho, ganhamos: consumidores, editores especializados, blogueiros, youtubers, produtores, importadores, sommeliers, enólogos e enófilos em geral...

 

Na nossa opinião, quanto mais gente do bem estiver falando sobre o mundo do vinho, com respeito e profissionalismo, melhor para todos nós.

 

Assim, é com imensa satisfação que criamos conteúdo diário e interagimos com cada leitor, através dos nossos canais de comunicação e de mídias sociais. 

 

No Facebook (www.facebook.com/tintosetantos), por exemplo, onde tantos amigos nos acompanham, é com orgulho que constatamos ser, o Tintos&Tantos, a maior página do Facebook, no mundo, em sua categoria! Uma comunidade de pessoas curtindo, comentando, se divertindo, aprendendo e ensinando, concordando e discordando... Todos nós, apaixonados pelo maravilhoso universo que cerca o vinho.

 

Não somos donos da verdade. Na verdade, recomendamos fortemente que se duvide de qualquer um que diga conhecer tudo sobre vinhos.

 

Esperamos que você aprecie e que continue nos acompanhando, e sempre que possível, ajudando na divulgação e propagação desse projeto, cujo foco será sempre você, vinhonauta!

 

A você, o nosso muito obrigado!

A você, o nosso brinde!

 

Em caso de dúvida, crítica ou sugestão, entre em contato pelo e-mail: This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.