Austrália

A Austrália é um dos maiores produtores de vinho do mundo, sabia? Em 7º lugar nesse ranking, fica atrás somente da Itália, França, Espanha, EUA, Argentina e Chile. Então, nós que somos apaixonados por vinho, não podemos deixar de conhecer a produção australiana mais de perto...

De todos os países que produzem vinho fora da Europa, a Austrália pode ser considerada uma grande inovadora, tendo sido, por exemplo, uma das lideranças do movimento pelos vinhos varietais. Aliás, se quiser saber a diferença entre um vinho de corte e um varietal, clique aqui.

Atualmente, são plantadas na Austrália mais de 100 diferentes variedades de uvas viníferas, sendo, as mais importantes, as tintas Shiraz, Cabernet Sauvignon e Pinot Noir, e as brancas Chardonnay, Riesling, Sémillon e Sauvignon Blanc.

A história da vitivinicultura na Austrália começou em 1788, mas o reconhecimento internacional veio nas décadas de 1980 e 1990.

Os vinhos brancos elaborados com Chardonnay, que no início eram mais amanteigados e com sabores de frutas tropicais, hoje são muito mais elegantes e equilibrados. A Austrália atualmente produz brancos sutis e complexos.

Os tintos produzidos com Shiraz são ricos e macios; os vinhos australianos elaborados com Pinot Noir são elegantes, e os Cabernet Sauvignon costumam ser muito vibrantes.

O vinho australiano é muito popular, e a Austrália é um dos maiores exportadores do mundo, levando seus vinhos principalmente para o Reino Unido, Estados Unidos, Canadá e Alemanha. Os vinhos da Austrália são também muito bem aceitos nos mercados asiáticos, e o número de europeus que ainda torce o nariz para eles diminui, ano após ano.

O sistema australiano de Indicação Geográfica reconhece dezenas de diferentes denominações, espalhadas, principalmente, pelo sul e sudeste, mas também no oeste do país e na exótica Tasmânia. Algumas das indicações geográficas mais conhecidas são:

 Adelaide Hills, com espumantes que se destacam entre os melhores, com refrescantes Sauvignon Blanc e versáteis Pinot Noir.

 Barossa Valley, uma das primeiras regiões a ganhar admiradores internacionais, é responsável por tintos de cor intensa. Os vinhos Shiraz dessa quente região merecem toda a atenção. . E os Riesling e Chardonnay se destacam quando plantados nos microclimas mais frios.

 Coonawarra, região notória por vinhos produzidos à base de Sémillon bastante minerais e pelos tintos elaborados com Shiraz, entre outros.

 Hunter Valley, que se destaca por vinhos produzidos à base de Sémillon bastante minerais, pelos Shiraz, entre outros.

 Mc Laren Vale, com tintos complexos e extremamente sutis, além de cortes inovadores. Destaque para o Grenache.

Quer saber mais curiosidades a respeito dos vinhos da Austrália? O tradicional corte australiano de Grenache, Shiraz e Mourvèdre ficou internacionalmente conhecido pela expressão “corte GSM”. Além disso, a Austrália é uma das responsáveis pela disseminação das tampas de rosca no mercado dos vinhos, motivo ainda de tanta controvérsia.

Como dá para perceber, a Austrália é muito mais do que o país dos engraçados cangurus, não é?




Quem somos

 

O Tintos&Tantos nasceu em 2013, e em seu pouco tempo de vida, já se tornou uma referência no mercado editorial de vinho, nacional e internacionalmente.

 

Para contar quem somos, primeiro vamos dizer quem nós não somos. Não somos um blog de vinhos. Não somos críticos de vinhos.

 

O Tintos&Tantos é um portal de Internet, que dá acesso a um conteúdo editorial, de produção própria, inteiramente dedicado ao mundo do vinho. 

 

Nossa contribuição é prover informação imparcial, relevante e gratuita.  Sempre em linguagem acessível e agradável de ler.

 

O intuito do Tintos&Tantos é o de fomentar o estudo, o interesse, a crítica, e até mesmo a polêmica a respeito do vinho.

 

Nosso foco não é competir com outros geradores de conteúdo, pelo contrário: ao sermos mais um agente no desenvolvimento desse mercado, e na consolidação dessa cultura, todos nós, apaixonados por vinho, ganhamos: consumidores, editores especializados, blogueiros, youtubers, produtores, importadores, sommeliers, enólogos e enófilos em geral...

 

Na nossa opinião, quanto mais gente do bem estiver falando sobre o mundo do vinho, com respeito e profissionalismo, melhor para todos nós.

 

Assim, é com imensa satisfação que criamos conteúdo diário e interagimos com cada leitor, através dos nossos canais de comunicação e de mídias sociais. 

 

No Facebook (www.facebook.com/tintosetantos), por exemplo, onde tantos amigos nos acompanham, é com orgulho que constatamos ser, o Tintos&Tantos, a maior página do Facebook, no mundo, em sua categoria! Uma comunidade de pessoas curtindo, comentando, se divertindo, aprendendo e ensinando, concordando e discordando... Todos nós, apaixonados pelo maravilhoso universo que cerca o vinho.

 

Não somos donos da verdade. Na verdade, recomendamos fortemente que se duvide de qualquer um que diga conhecer tudo sobre vinhos.

 

Esperamos que você aprecie e que continue nos acompanhando, e sempre que possível, ajudando na divulgação e propagação desse projeto, cujo foco será sempre você, vinhonauta!

 

A você, o nosso muito obrigado!

A você, o nosso brinde!

 

Em caso de dúvida, crítica ou sugestão, entre em contato pelo e-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.