Tarte Tatin com caramelo de vinho!

Essa sobremesa está entre as mais tradicionais da França. E aqui, sugerimos uma pequena variação na receita, para ela ficar ainda mais deliciosa!

A Tarte Tatin provavelmente surgiu na década de 1880. A primeira menção registrada, a respeito dessa sobremesa, é de 1903, onde se lê a respeito da especialidade da casa servida no Hotel Tatin, tão surpreendente e original que “poderia justificar uma patente”.

Existem dúvidas se as irmãs Tatin, proprietárias do hotel, realmente criaram a receita, ou apenas se apropriaram de uma prática culinária comum na região. Também há dúvida se a receita foi criada intencionalmente, ou se foi fruto de um equívoco na cozinha.

O fato é que é uma delícia. E facílima de fazer! Sem falar nos ingredientes, que são tão poucos! 

 Rendimento

6 pessoas.

 Ingredientes

Para a massa 

.  200 g de farinha de trigo
.  100 g de manteiga sem sal
.  ½ colher (de café) de sal
.  aproximadamente 20 ml de água gelada

Para o recheio

.  1 kg de maçãs firmes
.  100 g de manteiga com sal
.  100 g de açúcar
.  100 ml de vinho branco de sobremesa
.  1 colher (de sopa) de água

  Modo de Preparo

Comece pela massa. Misture a farinha com a manteiga e o sal, até obter uma farinha homogênea. Acrescente a água gelada aos poucos, até conseguir formar uma bola de massa, que não grude nas mãos. Leve essa massa, coberta por filme plástico, para a geladeira.

Descasque as maçãs e corte-as em fatias, grossas ou finas, como preferir. Vale observar que originalmente essa sobremesa era feita com as maçãs com casca. Então, fica à gosto, na verdade.

Em uma assadeira alta de 22 cm de diâmetro, coloque o açúcar e o vinho. Quando o açúcar derreter, e começar a engrossar, organize as fatias de maçã, com cuidado, sobre esse caramelo. Volte ao fogo, baixo, até o caramelo estar bem dourado.

Desligue o fogo e cubra as maçãs com a manteiga, em pedacinhos.

Em uma bancada, abra a massa com um rolo, em um diâmetro um pouco maior que o da forma. Disponha a massa na forma, sobre as maçãs caramelizadas.

Empurre as bordas da massa que ficaram de fora, para dentro da lateral da forma, e leve ao forno médio, pré-aquecido, por 40 minutos.

Retire do forno, espere 5 minutos, e desenforme a torta, virando a forma sobre um prato grande e não muito raso. Sirva a torta quente. Se optar por um acompanhamento, uma boa sugestão é uma bola de sorvete de creme!

 Harmonização

Nossa sugestão para o vinho que será usado na receita é um branco Torrontés de sobremesa, notório por ser extremamente aromático. Se quiser ler mais sobre a uva Torrontés, clique aqui. Outra boa sugestão para usar como ingrediente é um vinho elaborado com a Moscatel, de quem, aliás, a Torrontés é parente...

Na hora de harmonizar, a Tarte Tatin é bem versátil, e fica muito interessante com os vinhos brancos de sobremesa em geral. Mas a nossa sugestão continua sendo um elaborado com a uva Torrontés. Claro que é apenas uma das muitas opções que irão combinar!

Uma dica, para quem quiser facilitar ainda mais a vida: é possível para fazer essa receita usando massa pronta para torta, ou mesmo, massa folhada.

Só não deixe de fazer. Porque vai valer a pena, acredite!!!




Quem somos

 

O Tintos&Tantos nasceu em 2013, e em seu pouco tempo de vida, já se tornou uma referência no mercado editorial de vinho, nacional e internacionalmente.

 

Para contar quem somos, primeiro vamos dizer quem nós não somos. Não somos um blog de vinhos. Não somos críticos de vinhos.

 

O Tintos&Tantos é um portal de Internet, que dá acesso a um conteúdo editorial, de produção própria, inteiramente dedicado ao mundo do vinho. 

 

Nossa contribuição é prover informação imparcial, relevante e gratuita.  Sempre em linguagem acessível e agradável de ler.

 

O intuito do Tintos&Tantos é o de fomentar o estudo, o interesse, a crítica, e até mesmo a polêmica a respeito do vinho.

 

Nosso foco não é competir com outros geradores de conteúdo, pelo contrário: ao sermos mais um agente no desenvolvimento desse mercado, e na consolidação dessa cultura, todos nós, apaixonados por vinho, ganhamos: consumidores, editores especializados, blogueiros, youtubers, produtores, importadores, sommeliers, enólogos e enófilos em geral...

 

Na nossa opinião, quanto mais gente do bem estiver falando sobre o mundo do vinho, com respeito e profissionalismo, melhor para todos nós.

 

Assim, é com imensa satisfação que criamos conteúdo diário e interagimos com cada leitor, através dos nossos canais de comunicação e de mídias sociais. 

 

No Facebook (www.facebook.com/tintosetantos), por exemplo, onde tantos amigos nos acompanham, é com orgulho que constatamos ser, o Tintos&Tantos, a maior página do Facebook, no mundo, em sua categoria! Uma comunidade de pessoas curtindo, comentando, se divertindo, aprendendo e ensinando, concordando e discordando... Todos nós, apaixonados pelo maravilhoso universo que cerca o vinho.

 

Não somos donos da verdade. Na verdade, recomendamos fortemente que se duvide de qualquer um que diga conhecer tudo sobre vinhos.

 

Esperamos que você aprecie e que continue nos acompanhando, e sempre que possível, ajudando na divulgação e propagação desse projeto, cujo foco será sempre você, vinhonauta!

 

A você, o nosso muito obrigado!

A você, o nosso brinde!

 

Em caso de dúvida, crítica ou sugestão, entre em contato pelo e-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.