O vinho, o álcool e a cozinha!

Onde quer que seja produzido, o vinho é utilizado, também, como ingrediente culinário.

Isso porque ele é capaz de fornecer aromas, sabores e riqueza aos pratos que elaboramos.

Mas uma das questões que mais geram dúvidas, na hora de incluir o vinho em uma receita, é o álcool. Será verdade que todo o álcool evapora, durante o cozimento? Depende do tempo de cozimento? Depende...

Depende de quê? A quantidade de álcool que permanece no alimento, depois de pronto, depende da fonte de álcool (se é um vinho ou um destilado, por exemplo), da técnica de cozimento (se o alimento está sendo cozido, assado ou flambado), e do tempo de cozimento.

Uma pesquisa realizada pelo Departamento de Agricultura dos Estados Unidos, na década de 1990, ajuda a elucidar essa questão:

 Ao acrescentar vinho a um líquido em fervura, apagando o fogo em seguida, apenas 15% do álcool evapora; 85% permanece no alimento.

 Cozinhar em fogo brando, ou mesmo assar, por um tempo de 15 minutos, faz com que aproximadamente 60% do álcool evapore.

 Uma hora de cozimento, em fogo baixo, evapora cerca de 75% do álcool do vinho.

 Em compensação, duas horas e meia de cozimento, em fogo baixo, promovem a evaporação de aproximadamente 95% do álcool do vinho. 

 Aqui vai o dado mais surpreendente. Ao contrário do que se pensa, mesmo quando flambamos uma bebida alcoólica, o álcool não é totalmente consumido, pelo contrário. Esse processo retira apenas 25% do álcool de um líquido, permanecendo ainda cerca de 75%.

Vale lembrar que o vinho não é uma bebida de alto teor alcoólico, em linhas gerais. A grande maioria dos vinhos apresenta algo entre 12 e 14° de álcool. Ou seja, para cada 100 ml de vinho, são aproximadamente 12 a 14 ml de álcool.

Obviamente existem exceções. O vinho Madeira, por exemplo, tão versátil na culinária, é uma delas. Fortificado com aguardente vínica, durante sua fabricação, tem teor alcoólico de cerca de 19°.

Aliás, se quiser ler sobre o teor alcoólico de diferentes vinhos, e também de outras bebidas, clique aqui.

Para finalizar, não se esqueça: você não precisa de um vinho caríssimo para cozinhar, mas não coloque na panela aquilo que você não colocaria na sua taça!

Se quiser ler mais o vinho na culinária, clique aqui.




Quem somos

 

O Tintos&Tantos nasceu em 2013, e em seu pouco tempo de vida, já se tornou uma referência no mercado editorial de vinho, nacional e internacionalmente.

 

Para contar quem somos, primeiro vamos dizer quem nós não somos. Não somos um blog de vinhos. Não somos críticos de vinhos.

 

O Tintos&Tantos é um portal de Internet, que dá acesso a um conteúdo editorial, de produção própria, inteiramente dedicado ao mundo do vinho. 

 

Nossa contribuição é prover informação imparcial, relevante e gratuita.  Sempre em linguagem acessível e agradável de ler.

 

O intuito do Tintos&Tantos é o de fomentar o estudo, o interesse, a crítica, e até mesmo a polêmica a respeito do vinho.

 

Nosso foco não é competir com outros geradores de conteúdo, pelo contrário: ao sermos mais um agente no desenvolvimento desse mercado, e na consolidação dessa cultura, todos nós, apaixonados por vinho, ganhamos: consumidores, editores especializados, blogueiros, youtubers, produtores, importadores, sommeliers, enólogos e enófilos em geral...

 

Na nossa opinião, quanto mais gente do bem estiver falando sobre o mundo do vinho, com respeito e profissionalismo, melhor para todos nós.

 

Assim, é com imensa satisfação que criamos conteúdo diário e interagimos com cada leitor, através dos nossos canais de comunicação e de mídias sociais. 

 

No Facebook (www.facebook.com/tintosetantos), por exemplo, onde tantos amigos nos acompanham, é com orgulho que constatamos ser, o Tintos&Tantos, a maior página do Facebook, no mundo, em sua categoria! Uma comunidade de pessoas curtindo, comentando, se divertindo, aprendendo e ensinando, concordando e discordando... Todos nós, apaixonados pelo maravilhoso universo que cerca o vinho.

 

Não somos donos da verdade. Na verdade, recomendamos fortemente que se duvide de qualquer um que diga conhecer tudo sobre vinhos.

 

Esperamos que você aprecie e que continue nos acompanhando, e sempre que possível, ajudando na divulgação e propagação desse projeto, cujo foco será sempre você, vinhonauta!

 

A você, o nosso muito obrigado!

A você, o nosso brinde!

 

Em caso de dúvida, crítica ou sugestão, entre em contato pelo e-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.